O Museu do Homem do Sambaqui Pe. João Alfredo Rohr, SJ, do Colégio Catarinense, participa no mês de maio da programação da 15ª Semana de Museus, promovida pelo Instituto Nacional de Museus (Ibram) entre os dias 15 a 21 de maio.

Em 2017, mais de mil museus de todo o país oferecem ao público cerca de três mil atividades especiais, como visitas mediadas, palestras, oficinas e exibição de filmes. A participação do Museu Homem de Sambaqui será até o final do mês de maio, convidando toda a comunidade educativa do Colégio Catarinense e também os alunos de outras escolas para visitar a exposição Cultura de base luso-açoriana e ameríndia: histórias controversas, especialmente preparada para a data. A exposição remete ao rico acervo histórico, iniciado em 1909 pelo Pe. Frederico Maute, e efetivamente organizado em 1963 pelo Pe. João Alfredo Rohr, responsável pela composição de um dos maiores acervos arqueológicos do Brasil, reunindo mais de 150 mil peças, como pontas de projéteis ósseos, líticos, zoólitos, sepultamentos e blocos testemunhos dos sambaquis.

A exposição Cultura de base luso-açoriana e ameríndia: histórias controversas é aberta para visitação conforme horários listados na imagem abaixo. Para melhor organização dos grupos de visitação, as escolas visitantes devem agendar pelo telefone (48) 3251-1516.

Mais informações sobre a programação em todo o país para a 15ª Semana de Museus, clique aqui.

Fonte: Assessoria de Comunicação Colégio Catarinense

Imagens: Divulgação

Mais notícias