Transformar as Preferências Apostólicas em ações concretas será um dos principais desafios do padre Myeczyslaw Smyda

Em cerimônia realizada na última quarta-feira (25/3), na Capela da Cúria Provincial, no Rio de Janeiro, tomou posse o novo Superior Provincial dos Jesuítas do Brasil: Pe. Mieczyslaw Smyda. O jesuíta substituirá o Pe. João Renato Eidt e a nomeação para o cargo se deu em 30 de janeiro, por meio de comunicado do Superior Geral da Companhia de Jesus, Pe. Arturo Sosa.

Completam o Governo Provincial o Sócio e Admonitor Provincial, Ir. Eudson Ramos, o Administrador Provincial, Pe. Geraldo Kolling, o Delegado para a Preferência Apostólica Amazônica, Pe. David Romero, o Delegado para Saúde e Bem-Estar, Pe. Alexandre de Souza, o Secretário para Colaboração da Fé e Espiritualidade, Pe. Alfredo Sampaio Costa, o Secretário para Juventude e Vocações, Pe. Jonas Caprini, o Secretário da Justiça Socioambiental, Pe. José Ivo Follmann, o Secretário para Paróquias, Igrejas, Santuários e Capelanias, Pe. José Laercio de Lima e o Secretário para Educação, Pe. Sérgio Mariucci.

Pe. Smyda é nascido em Piwniczna, Nowy Sacz (Polônia), tem 62 anos de idade e 46 anos de Companhia. Bacharel em Filosofia e Teologia, títulos obtidos em Cracóvia e Varsóvia, na Polônia, e mestre em Liturgia pela Faculdade Nossa Senhora da Assunção, em São Paulo (SP), já foi prefeito da Igreja do Colégio Santo Inácio, no Rio de Janeiro (RJ), diretor de Pastoral do Colégio São Francisco Xavier, e da Pastoral do Colégio São Luís, ambas em São Paulo (SP), e diretor Geral do Colégio São Luís (SP), entre 2003 e 2008, e do Colégio Santo Inácio (RJ), entre 2009 e 2011. Entre 2011 e 2014, desempenhou a função de Provincial da antiga Província BRC (Brasil Centro-Leste). Após a criação da Província do Brasil em 2014, ele atuou na função de superior de Plataforma Apostólica e, nos últimos dois anos, exercia a cargo de Delegado para a Saúde e Bem-Estar da província.

Após a posse, Pe. Smyda disse que transformar as Preferências Apostólicas em ações concretas será um dos principais desafios no período em que estiver à frente da Província dos Jesuítas do Brasil. “Estou assumindo a função de Provincial em uma posição privilegiada, porque a Companhia de Jesus Universal definiu as Preferências Apostólicas que devem nos orientar. Apesar de, nós, como Província do Brasil, já trabalharmos o plano apostólico na mesma direção, recebemos um horizonte universal e mais claro. Não foi uma simples coincidência, mas providência divina para trabalharmos de outra forma essas preferências. Temos que ler, rezar, refletir e ponderar para podermos transformá-las em ações concretas. Mostrar e ensinar o caminho para Deus, não ter vergonha de testemunhar Jesus Cristo e sua proposta de vida para o mundo. É nosso desafio e nosso olhar, com base naquilo que o Papa Francisco nos ensina, fazer com que a humanidade não se perca, principalmente, os jovens. Juntos encontraremos o caminho para mais vida e mais felicidade”, destacou Pe. Smyda.

Para mais informações, confira a 63ª edição do informativo Em Companhia, clicando aqui.

Mais notícias