Rede Jesuíta de Educação: Bahia recebe 3º Encontro de Formação Integral

A Casa de Retiros São José, em Mar Grande, na Bahia, foi sede do 3º Encontro de Formação Integral da Rede Jesuíta de Educação (RJE). Realizado entre 21 de maio e 1º de junho, o evento contou com cerca de 80 participantes, entre estudantes, educadores e antigos alunos.

O Encontro quer colaborar com a formação integral dos estudantes, desenvolvendo as dimensões afetiva, espiritual, ética, comunicativa e sociopolítica. É inspirado na estrutura metodológica do Curso Taller Nacional Ignacio, realizado na Colômbia há quase 30 anos, que propõe exposições, dinâmicas, momentos de reflexão, oração, celebração e partilha à luz dos Exercícios Espirituais de Santo Inácio, e trabalhados em uma linguagem própria para os jovens de 15 a 17 anos.

Segundo o Orientador de Aprendizagem da 1ª Série do Ensino Médio do Colégio Medianeira, Carlos Torra, foi uma experiência importante no que se refere à formação integral. “Esse encontro consegue agregar diversos elementos ligados às dimensões formativas que nós temos como foco enquanto rede e à luz do Projeto Educativo Comum. A terceira edição coroa um processo iniciado em 2016, que investe na qualificação das dinâmicas e das atividades propostas. Esses encontros tendem cada vez mais a se estender a um grupo maior de alunos, exatamente pela importância que têm demonstrado”, ressalta. Segundo Torra, por se tratar de algo novo, se torna relevante a divulgação não apenas por parte dos professores, mas também dos estudantes, facilitando a compreensão do termo formação integral dentro da comunidade educativa e garantindo o apoio de todos para experiências mais significativas. “Às vezes, o ambiente escolar não é o mais propício para este tipo de inclusão, como, por exemplo, uma inserção social de dois a três dias. Este encontro dá ferramentas para que os estudantes aprofundem mais o processo de autoconhecimento e, ao se conhecerem mais, passem a se tornar líderes não apenas de si próprios, mas também para os outros”, destacou Torra.

Para os alunos participantes da terceira edição, as atividades realizadas ao longo do encontro abriram portas para novos olhares sobre o cotidiano, conforme destacou o estudante da 2ª série do Ensino Médio do Colégio Catarinense, Gustavo Brasil. ” Foi uma experiência transformadora, porque me tirou da zona de conforto e abriu meu pensamento. Criei laços com pessoas de culturas de diferentes… entendi como as pessoas vivem, quais os sonhos, as ideias, os projetos de vida… Iria novamente, muitas e muitas vezes”, salientou.

Também presente no grupo que esteve na Bahia, Artur Heerdt, aluno do Ensino Médio do Colégio Catarinense, enalteceu o processo de autoconhecimento, bem como a diversidade de culturas das quais teve contato durante os dias do encontro. “Foi a experiência que mais representou na minha vida. Me ensinou a lidar com meus próprios sentimentos. Consegui fazer amigos incríveis, numa atmosfera diferente… aprendi com as diferenças regionais e percebi como existem vários ‘Brasis’”, descreveu Artur.

De acordo com Mariel Dietrich, mãe da aluna Lívia Dietrich, do Ensino Médio do Colégio Anchieta, as dinâmicas bem planejadas, levaram a importantes reflexões, trocas com a comunidade e união entre o grupo. “Foram 12 dias longe de casa, mas unidas pelo coração. Partiu uma menina feliz, se aventurando com os colegas, e retornou uma menina que passou por momentos marcantes e emocionantes experiências de autoconhecimento. Lívia fez muitas amizades, se engajou em uma missão social, conheceu diferentes experiências de vida e me deixou uma mãe muito orgulhosa. Temos muito a agradecer aos professores, monitores e a todos que, de alguma forma, apoiaram esse encontro”, enalteceu Mariel.

Fonte: Assessoria de Comunicação ASAV

Foto: Divulgação

Mais notícias

História da educação na Companhia de Jesus apresentada em seminário na FGV, no Rio de Janeiro

agosto 31st, 2018|0 Comments

Representantes de diversas instituições de educação católica estiveram reunidos na sexta-feira (31/08), para participar do seminário “Missões Religiosas e Educação Básica no Brasil”, promovido pela Escola Brasileira de Economia e Finanças (EPGE) da Fundação [...]

By | 2018-06-26T09:00:33+00:00 junho 5th, 2018|Educacional|