Mantenedoras da Província dos Jesuítas do Brasil realizam assembleias

Seguindo procedimentos sugeridos  pela Companhia de Jesus e conforme Estatuto Social, a Associação Antônio Vieira (ASAV), com presença de todos os seus associados e alguns gestores de obras mantidas convidados, realizou a Assembleia Anual Ordinária, nesta quinta-feira (31/03), com o objetivo de considerar e aprovar o relatório de atividades e o balanço de 2015, além de alinhar algumas metas para 2016. O encontro aconteceu na sede da ASAV, em Porto Alegre.

Para o Diretor Presidente da ASAV, Pe. João Geraldo Kolling, trata-se de um importante momento, pois “a ASAV está conseguindo colher os frutos de uma implantação de Gestão Integrada, iniciada em 2005, agora já mais consistente e consolidada, com parâmetros alinhados entre as obras e a mantendora , falando todas a mesma linguagem”.

Assim como a ASAV, outras mantenedoras da Província dos Jesuítas do Brasil (BRA) já realizaram as Assembleias anuais. Em 22 de março, ocorreu a da Associação Nacional de Instrução (ANI) e a da Província dos Jesuítas do Leste Equatorial do Brasil (JESLEQ), em Salvador, onde houve também eleição da nova diretoria. No dia 29, foi a vez da Associação Nóbrega de Educação e Assistência Social (ANEAS), da Associação Jesuíta de Educação e Assistência Social (AJEAS) e da Companhia de Jesus (mantenedora) realizarem igualmente suas Assembleias Ordinárias para avaliar o balanço de 2015.

Em Recife, a Assembleia do Centro de Educação Técnica e Cultural (CETEC) está prevista para o dia 28 de abril.

Em todas elas, os dados  passam pelo parecer dos Conselhos Fiscais e de auditoria externa, antes de serem aprovados.

Na avaliação de Pe. Geraldo, que também é Administrador Provincial da BRA, “todo esse trabalho que começa a se articular em nível nacional vem demonstrar a grandeza daquilo que se faz em todas as obras, traduzida por dados confiáveis, construídos por jesuítas e leigos, homens e mulheres, alinhados à missão maior da Companhia de Jesus, que se atualiza numa perspectiva de rede colaborativa e profissional, como sugere a 35ª Congregação”.

Fonte: Assessoria de Comunicação ASAV

Fotos: Matheus Kiesling/ASAV

Mais notícias

By | 2018-05-29T09:34:54+00:00 março 31st, 2016|ASAV|