Com o intuito de desenvolver alinhamentos e refletir sobre iniciativas referentes ao Marco para Promoção da Justiça Socioambiental, representantes das mantenedoras da Província dos Jesuítas do Brasil participaram do Fórum de Coordenadores de Ação Social dos Centros Administrativos, nos dias 05 e 06 de setembro, na sede da Associação Antônio Vieira – ASAV, em Porto Alegre. O encontro contou com a presença do Diretor de Assistência Social da ASAV e Secretário Nacional da Justiça Socioambiental, Pe. José Ivo Follmann, SJ, além de profissionais das áreas de Assistência Social da ASAV, da Associação Nóbrega de Educação e Assistência Social – ANEAS e da Associação Jesuíta de Educação e Assistência Social – ANI.

Entre outros objetivos, o Marco para Promoção da Justiça Socioambiental busca a integração do trabalho desenvolvido pela rede jesuíta de Assistência Social. “Desenvolvido ao longo de 2015, o Marco contou com a participação de todos os integrantes das mantenedoras e vai ser fundamental, pois ajuda a direcionar todo o trabalho de promoção da Justiça Socioambiental na Província. Ele dará mais segurança para podermos avaliar a pertinência desse ou daquele projeto, ganhando em qualidade”, salienta Pe. José Ivo.

Dos temas tratados durante a reunião, Pe. José Ivo destaca o Observatório Nacional de Justiça Socioambiental Luciano Mendes de Almeida, de importância essencial para o trabalho das unidades de Ação Social no Brasil. “No final de 2015, em um seminário foi decidido pelo Observatório, que, depois, foi aprovado pelo Fórum de Gestão Apostólica. O nome foi dado em homenagem ao bispo jesuíta referência no empenho social no país e na defesa dos mais pobres. O Observatório é um grande mecanismo de articulação dos centros e obras sociais que já existem. Vejo como um trabalho em rede, que envolve, ao mesmo tempo, os mais de 20 núcleos de Fé e Alegria, os cinco Centros Sociais que temos, as nove grandes obras sociais espalhadas pelo Brasil todo, além das universidades e colégios, pensando em colocar em sinergia todas as potencialidades que estão aí espalhadas, em nível nacional. Logo, logo, virá a público um material de visualização do Observatório, que já está começando a realizar ações, vão acontecer em toda rede, e não só na sede, em Brasília”, diz o jesuíta.

A pauta do encontro ainda contou com um estudo de instrumentos para elaboração de projetos em nível nacional, apresentação de procedimentos de gestão integrada realizados através da ferramenta Dynamics, além de um novo instrumento ligado ao cálculo do Ministério da Educação para bolsas vinculadas à Certificação de Entidades Beneficentes de Assistência Social na Área de Educação – CEBAS.

Fonte: Assessoria de Comunicação ASAV

Foto: Matheus Kiesling/ASAV

Mais notícias

Apoiando boas ideias: Tecnosociais incentiva o empreendedorismo

janeiro 19th, 2017|Comentários desativados em Apoiando boas ideias: Tecnosociais incentiva o empreendedorismo

No ano de 2006, 14 pessoas com um projeto em mente e muita vontade de empreender criaram o grupo Mãos Unidas, em São Leopoldo. Nem mesmo o pouco conhecimento sobre gestão e as limitadas condições [...]

NEABI: da inclusão, nascem novos horizontes

janeiro 11th, 2017|Comentários desativados em NEABI: da inclusão, nascem novos horizontes

Ao possibilitar o ingresso no universo digital e das letras, o Núcleo de Estudos Afro-brasileiro e Indígena – NEABI abre as portas para uma nova perspectiva na vida de pessoas como Maria Gardênia Alves. Vinculado [...]

ASAV recebe encontro da Rede Jesuíta de Educação – PIEA

janeiro 6th, 2017|Comentários desativados em ASAV recebe encontro da Rede Jesuíta de Educação – PIEA

Coordenadores e representantes de mantenedoras e de unidades de educação vinculadas à Rede Jesuíta de Educação – PIEA (Programa de Inclusão Educacional e Acadêmica) estão reunidos na sede da ASAV, em Porto Alegre, para avaliar [...]

Solidariedade e música: Catarinense leva alegria com projeto Cantando o Natal

dezembro 12th, 2016|Comentários desativados em Solidariedade e música: Catarinense leva alegria com projeto Cantando o Natal

Organizado pela Pastoral do Colégio Catarinense e pela Igreja Santa Catarina de Alexandria, o projeto Cantando o Natal busca, através da música e da alegria de seus participantes, transmitir o espírito natalino a pessoas presentes [...]