Iniciativa do Programa Magis Brasil – vinculado à Companhia de Jesus – o Voluntariado Jovem irá contar com a participação de dois representantes da Paróquia Santíssima Trindade, localizada na Vila Farrapos, em Porto Alegre. As atividades serão realizadas entre os dias 23 e 30 de julho, na Casa Magis Manresa, em Cascavel, no Paraná, e buscam contribuir com a formação de jovens lideranças para os demais, através da reflexão e do compromisso com a justiça social.

Integrantes do Programa Magis Brasil no Rio Grande do Sul, Betânia Duarte e Gabriel Dornelles, ambos com 18 anos de idade, e Patrick Schafer, de 17 anos, irão aproveitar o período de férias escolares para partilharem solidariedade junto a pessoas em situação de vulnerabilidade social, espiritual e humana, em instituições como asilos, hospitais e núcleos de catadores de lixo da região.

Segundo Betânia, o Voluntariado Jovem traz novos conhecimentos e horizontes para o trabalho na Paróquia Santíssima Trindade. “A minha maior expectativa com relação ao Voluntariado é a bagagem que traremos, pois sei que experiências como essas sempre nos agregam muito e nos auxiliam na construção de relações com o próximo. Espero conseguir crescer na fé e poder trazer aprendizado para ser utilizado em minha paróquia”, destaca.

A partilha de conhecimentos também irá servir de base para transcender as ações do âmbito religioso, perpassando, também, à área social. “Espero que no Voluntariado Jovem aprendamos a ser cristãos não só na Igreja, mas na vivência e prática, agindo e ensinando conforme Cristo fez a todos os que precisaram do seu consolo”, salientou Patrick.

Gabriel, por sua vez, ressalta que o conhecimento adquirido ao longo dos dias no Voluntariado Jovem tem por finalidade reforçar a sua experiência espiritual. “Eu espero aprender, mas não é qualquer tipo de aprendizagem. Eu espero aprender a amar mais e a servir melhor nosso Senhor”, diz o jovem.

O estudante jesuíta Renato Carvalho de Oliveira, referência do Programa MAGIS no Rio Grande do Sul, explica os objetivos da iniciativa junto aos jovens e os benefícios que as atividades podem trazer às comunidades. “O Voluntariado Magis não quer despertar no coração das juventudes o mero desejo voluntarista de fazer uma boa ação social de cunho assistencialista ou paternalista. Mas pretende despertar ou reforçar a sensibilidade para o cuidado solidário, por meio do encontro real com o outro necessitado: os empobrecidos, os invisíveis sociais, os excluídos de relações mais humanizadas. Betânia, Gabriel e Patrick poderiam aproveitar suas férias de outro modo, mas decidiram, com alegria e ousadia, transformá-las em profunda experiência de solidariedade aos sedentos de amor. A intenção mais profunda do Programa Magis é colaborar com a formação crítica, social, espiritual, humana e vocacional, através de atividades que desafiam as juventudes a encontrar o melhor de si mesmas, para transbordá-lo aos demais, e a descobrir o melhor dos outros, para despertar ou reforçar o engajamento em causas humanitárias e evangélicas, como a justiça socioambiental”, frisa Renato.

O grupo, que começa a se formar no Rio grande do Sul, já tem um calendário de atividades para o segundo semestre de 2016. Mais informações pelo fone (51) 8153-1877.

Fonte: Assessoria de Comunicação ASAV

Fotos: Divulgação/ASAV

Mais notícias

A vida e as obras de Pe. Egydio Schneider, que completa 70 anos de Companhia de Jesus

Março 16th, 2018|0 Comentários

Pelas instituições jesuítas por onde passou, Pe. Egydio Schneider conquistou o reconhecimento de todos por seu trabalho visionário, deixando um legado significativo para a continuidade da missão da Companhia de Jesus. Recentemente, o sacerdote completou [...]

Jesuíta e arqueólogo: os 70 anos de Companhia de Jesus do Pe. Pedro Ignácio Schmitz

Março 1st, 2018|0 Comentários

Uma vida dedicada à religiosidade, e também de muita paixão e entrega às pesquisas na área da arqueologia. Assim podemos resumir o perfil do padre jesuíta Pedro Ignácio Schmitz, que completa 70 anos junto à [...]

Jesuíta lança livro sobre Paróquia São João Batista, em Montenegro

Fevereiro 15th, 2018|0 Comentários

Um livro que resgata os primeiros anos de colonização de Montenegro e do Vale do Caí, em meados do século 19, enfatizando a importância dos missionários jesuítas no progresso da cidade. De autoria do padre [...]

Província dos Jesuítas do Brasil manifesta gratidão aos que lutaram pelo fim da impunidade

dezembro 1st, 2017|0 Comentários

NOTA DE AGRADECIMENTO A todos e a todas que colaboraram e contribuíram em defesa da causa indígena, especificamente, na reabertura do caso judicial do assassinato do Ir. Vicente Cañas, SJ A Província dos Jesuítas do [...]