Ex-coordenador de pastoral do Colégio Anchieta – obra mantida pela Associação Antônio Vieira em Porto Alegre – o P. Sérgio Mariucci esteve recentemente em viagem de formação à cidade de Goa, na Índia, onde foi participar da “Terceira Provação”, último período de formação religiosa na vida de um jesuíta,e que inclui  um retiro inaciano de 30 dias.

O jesuíta relatou algumas das experiências que viveu em solo asiático. Dentre outros, destacou a missão que a Companhia de Jesus vem desenvolvendo no sul do continente. “Visitei muitas escolas, públicas e privadas, aqui em Goa, no Nepal e no Estado do Tamilnado, província de Madurai. As escolas jesuítas são, em todo lugar, referência de qualidade de ensino e de inclusão social. Em todas, a diversidade religiosa é vivida com respeito e harmonia. A grande maioria dos nossos alunos é de hindus, mas há também muitos muçulmanos e budistas”, disse o jesuíta. “A disciplina dos alunos é algo que chama a atenção, principalmente de quem vem do Brasil”, acrescentou.

 

P. Sérgio ainda contou sobre o translado do corpo de São Francisco Xavier, que saiu da Basílica de Bom Jesus, em Goa, para uma exposição na Igreja da Sé, que reuniu, entre meses dezembro e janeiro, aproximadamente quatro milhões de peregrinos.  O jesuíta também participou da ordenação do Diácono Ciryl Suresh, na província de Madurai, no sul da Índia, em cerimônia toda rezada e cantada no idioma local, o Tamil.  A vocação de muitos jesuítas nasce nas escolas. “As escolas católicas, em geral são uma muito boa fonte de vocações para a Companhia, aqui na Índia”, salientou P. Sérgio.

A viagem de “Terceira Provação” realizada pelo P. Sérgio Mariucci teve início em agosto de 2014 e terminou no início de fevereiro, com seu retorno a Porto Alegre. “Estou muitíssimo animado a retornar ao Brasil e contribuir para a missão. Rezei muito por esta nova etapa da Companhia que estamos vivendo, com a criação da Província do Brasil”, finalizou.

Fonte: Assessoria de Comunicação da ASAV