Com direito a lotação máxima da Sala Pedro Claver, que acolheu cerca de 50 pessoas, entre leigos e religiosos, Pe. Alfredo Sampaio Costa realizou o lançamento de seu mais novo livro, publicado pela Edições Loyola, com o título ‘Encarnados no mundo com os olhos fixos em Jesus: Descobrindo a mística inaciana’. O evento, que contou com coquetel e sessão de autógrafos, foi realizado na noite desta quarta-feira (9/10), no Centro de Espiritualidade Cristo Rei – CECREI, em São Leopoldo (RS).

A publicação convida o leitor a imergir na Mística Inaciana e, sob a orientação dos Exercícios Espirituais de Santo Inácio de Loyola, ir em busca não apenas do autoconhecimento, mas também de trilhar um caminho que vá ao encontro da vontade de Deus.

Pe. Alfredinho, como é conhecido, iniciou sua apresentação dizendo que o livro traz consigo a vontade em partilhar com o público em geral os principais aspectos da Mística Inaciana e que, para isso, utilizou uma linguagem simples, a fim de facilitar a compreensão dos leitores. De acordo com o sacerdote, os ensinamentos de Santo Inácio de Loyola transcendem a barreira do tempo, servindo de norte tanto para religiosos quanto para o público leigo nos dias atuais. “Santo Inácio tinha um olhar muito dentro da realidade em que viveu, mas também outro olhar sempre aberto a coisas novas”, disse.

Para facilitar a compreensão dos presentes em relação ao conteúdo que apresenta no livro, Pe. Alfredinho destacou seis tópicos da espiritualidade inaciana: respeito grande pela liberdade de cada indivíduo; espiritualidade integral e integradora; a experiência sendo vivida e sentida; busca incessante pelo sentido; Deus pode ser encontrado em tudo; e espiritualidade ecológica, de cuidado e serviço.

De acordo com o jesuíta, o livro dos Exercícios Espirituais de Santo Inácio de Loyola, mesmo escrito no século 16, ainda traz um conteúdo em consonância com o mundo contemporâneo. “Hoje, tantos séculos depois, muita gente vive a espiritualidade inaciana partindo desse livro. Uma obra que foi traduzida em diversos idiomas e quer tem auxiliado as pessoas a descobrirem o caminho que Deus quer que elas percorram”, comentou o jesuíta.

Fonte: Assessoria de Comunicação ASAV

Fotos: Matheus Kiesling/ASAV

Mais notícias