O Centro Social Padre Arrupe, em Teresina (PI), promoveu na manhã desta quinta-feira (31/10), uma verdadeira viagem ao passado durante o sarau Vivendo a terceira idade – contando e recontando histórias. Dentro da temática escolhida, os idosos cantaram, dançaram, recitaram poesias e se emocionaram com as exposições e apresentações que remetiam a cultura da sua época.

Segundo o administrador do Centro Social Padre Arrupe, Patrício Guilherme, a ideia era trazer para o presente alguns aspectos da época dos idosos, de forma que pudessem fazer o resgate da sua memória. “Para além da saudade que eles sentem dessa época, esse resgate também auxilia na saúde dos nossos idosos, que, às vezes, apresentam problemas de esquecimento”, conta.

Uma vez que o Centro Social Padre Arrupe tem entre seus objetivos realizar ações de convivência, integração e participação ativa dos idosos, o sarau também tinha como um de seus objetivos fortalecer o vínculo entre os seus frequentadores. “Esse tipo de atividade ajuda a criar um convívio ainda maior entre eles, fortalecendo as amizades e seu relacionamento. No momento dessas apresentações e dos ensaios eles criam uma parceria muito forte”, ressalta o professor Patrício Guilherme.

Frequentadora do Centro Social Padre Arrupe há seis anos, dona Maria do Socorro Oliveira afirma que adquiriu uma segunda família no local. “As pessoas são excelentes. As atividades desenvolvidas aqui auxiliam não só na questão emocional como na questão física também. Só tenho a agradecer por todo o aparato”, afirma.

O bem-estar é visível entre os idosos que participam frequentemente das atividades desenvolvidas no local, como ressaltado por Raimundo Andrade Rocha, frequentador do Centro Social Padre Arrupe há três anos. “Apesar da idade, somos um grupo bem jovem. Eu me sinto uma criança aqui. Tenho a sensação de que posso viver mais 70 anos”, pontua o senhor Raimundo.

Mais notícias