Assessorado pela Unisinos, o projeto social Banco de Alimentos conquistou a segunda colocação em prêmio da Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH), na modalidade Desenvolvimento Sustentável e Responsabilidade Social.

Integrantes do Banco de Alimentos, os projetos Nutrindo o Amanhã, que trabalha com crianças e adolescentes, e Oficina do Sabor, direcionado a crianças, adolescentes, pais, cuidadores e educadores, ficaram com a prata na premiação nacional, que foi entregue na última quarta-feira (19/8), em São Paulo.

Coordenadora do projeto Banco de Alimentos/Unisinos, Denise Zaffari, destacou a importância da conquista. “Esse prêmio reconhece o projeto social Banco de Alimentos Unisinos como uma iniciativa de excelência na área de responsabilidade social”, diz Denise.

Banco de Alimentos

Denise fala que a iniciativa tem por objetivo promover hábitos alimentares mais saudáveis em escolas da educação infantil, comunitárias e filantrópicas, que recebem doações do Banco de Alimentos. “Importante salientar que estes dois projetos trabalham na esfera da educação alimentar e nutricional, a partir da atuação de alunos dos cursos de Nutrição e Gastronomia da Unisinos e de universidades parceiras”, enfatiza.

Segundo a coordenadora do projeto, os benefícios trazidos para a melhoria da saúde na região, são muitos. De acordo com Denise, no Brasil, os fatores de risco para a ocorrência de doenças crônicas não transmissíveis incluem o sedentarismo e a alimentação inadequada. “É cientificamente comprovado que mudanças nos hábitos alimentares e na atividade física podem influenciar, fortemente, vários fatores. Os projetos de nutrição e segurança alimentar, Nutrindo o Amanhã e Oficina do Sabor, desenvolvidos no Banco de Alimentos do Rio Grande do Sul, têm como objetivos a promoção de saúde, a prevenção de doenças e a melhoria da qualidade de vida dos usuários”, finaliza Denise.

Fonte: Assessoria de Comunicação Unisinos

Fotos: Divulgação/Unisinos