Neste domingo (11/07) ocorreu a 2ª Carreata com o Padre Reus pelas ruas de São Leopoldo (RS), substituindo a tradicional 15ª Romaria. Mais de 350 veículos, segundo dados da Guarda Municipal, acompanharam a estátua de madeira em tamanho natural do jesuíta que, embora esteja ainda no caminho da beatificação, já é considerado santo pela população que atribui centenas de milagres a ele.

Uma missa foi concelebrada por vários sacerdotes, no Santuário do Sagrado Coração de Jesus, junto do bispo da Diocese de Novo Hamburgo, Dom Zeno Hastenteufel. O bispo destacou a história da vocação do Padre Reus que faleceu há 74 anos, em 21 de julho. Dom Zeno falou sobre o espírito missionário de Padre Reus e recomendou que os fiéis peçam milagres como o da conversão daqueles que estão com a sua fé adormecida, despertando o povo para a busca do ser cristão de verdade, que participa da missa dominical e acolhe o Cristo vivo com a comunidade. “Rezemos para que todos se vacinem e voltem a partilhar das missas e viver a fé “, disse Dom Zeno para os cerca de mil fiéis presentes no Santuário que tem a sua lotação controlada para garantir o distanciamento social, e para os internautas que assistiram a missa pelo Facebook.

Em seguida, logo após a missa, por volta das 9h, com sol e temperatura amena, Pe. Raimundo Nonato Resende, reitor do Santuário do Sagrado Coração de Jesus, partiu em carro aberto com cantores e a estátua do Padre Reus. O trajeto pelas ruas de São Leopoldo foi transmitido pela internet, via Facebook com interações de fiéis de todo Brasil. A celebração teve um alcance de mais de 94 mil pessoas, cerca de 6 mil interações – entre curtidas, comentários e compartilhamentos – e um pico de 580 visualizações simultâneas enquanto a transmissão estava ao vivo.

Cerca de 350 veículos participaram da Carreata.

No caminho pessoas saudavam com palmas e preces a passagem da carreata, com inúmeras demonstrações de fé que até 2019 eram feitas na romaria que tradicionalmente reunia milhares de fiéis.  Desde o ano passado Pe. Resende optou por levar Padre Reus até a comunidade para evitar aglomerações em função da pandemia. Para ele, “são alternativas criativas que visam ajudar as pessoas a manterem viva a sua fé, tão importante especialmente nestes tempos de pandemia”.

Uma parada especial em frente ao Hospital Centenário para abençoar aos doentes, seus familiares e aos profissionais da saúde do mundo inteiro. Entre tantos pedidos de oração, o fim da pandemia ganhou destaque entre os internautas.

Ao final, Pe. Resende ficou dando a benção aos motoristas que se enfileiravam em frente ao Santuário.

Fonte: Site Santuário do Sagrado Coração de Jesus

Fotos: Inézio Machado/GES e arquivo

Mais notícias